“Lua Rosa” ou ” Mini-Lua” – Encerrar ciclos e iniciar novas etapas para Viver melhor.

Encerrar ciclos e iniciar novas etapas faz parte do desenvolvimento de qualquer ser humano. Costumeiramente isso ocorre na vida de qualquer um. Entre ganhos, perdas e lutos rotineiros, a vida é vivida. Vivida em detalhes inimagináveis.

Encerrar ciclos nada mais é do que fechar portas e terminar capítulos dos fatos ocorridos e tentar elaborar estes. Elaborar no sentido de entender, compreender e analisar tudo o que foi vivenciado.

No entanto, quando encerramos ciclos, logo temos a tarefa de iniciar novas etapas para formação de um “novo ciclo”. E, muitas vezes, o novo nos remete ao medo e insegurança. Para tanto, é necessário deixar de lado aquilo que não se encaixa mais em sua vida, o que não lhe traz significado. Nada mais do que deixar de ser quem era e recomeçar novamente – e isso não é nenhuma tarefa rápida e fácil.

Hoje no céu , veremos um tipo especial de lua cheia que acontece apenas uma vez por ano: a Minilua, ou a lua Rosa. Uma lei cheia que aparece em tamanho um pouco menor do que o habitual.

Ela é chamada de Lua Rosa e indica um ponto de mudança envolvendo seus relacionamentos ou finanças. E continua com esse processo de transformação nas próximas duas semanas. Esta é uma lua cheia para transformar e curar a dores emocionais, corações partidos, lares destruídos e dívidas financeiras acumuladas.

Então nada melhor do que você usar sua força emocional e intuição para superar quaisquer desafios. A consciência subconsciente permite um olhar imparcial e equilibrado em seus relacionamentos pessoais. Você verá claramente qualquer dinâmica do relacionamento ou sentimentos negativos que causam desarmonia.

E acredite encerrar ciclos é muito importante, pois nos dá chances de experimentarmos novos rumos e aprendermos novas lições, assim como vivermos mais intensamente a vida, crescendo e amadurecendo. Muitas pessoas não têm coragem de enfrentar as consequências do fim de um casamento, de uma amizade, de um emprego. Mas, a vida nos convida, a todo instante, à tomada de decisões importantes, e para isso devemos estar presentes de corpo e alma nas situações que nos afetam diretamente.

 

Mudar para viver melhor

Mudar o jeito de ser não é se tornar outra pessoa, mas reencontrar-se a cada momento, se permitindo fazer e desfazer, experimentando de diversas formas até se sentir confortável, temporariamente por certo, pois nada é definitivo.

Podemos deixar que a vida nos surpreenda de um modo muito mais fascinante, nos proporcionando momentos e oportunidades que nem imaginávamos, se nos deixarmos conduzir pela vida num estilo flexível, cíclico, cuidando para não deixar elos perdidos. Mas, receber as dádivas da vida é algo ainda muito difícil para nós, pois não sabemos nos abrir para receber nada que venha em nossa direção de forma surpreendente, preferimos dizer que “não precisamos de nada e de ninguém”, e fugir, nessas ocasiões, é a atitude mais comum.

A reflexão é necessária para sabermos quando uma etapa chegou ao final. Sem reflexão podemos passar muito tempo apenas lamentando as perdas e nos perguntando por que as coisas aconteceram deste ou daquele jeito.

E Iniciar uma nova etapa nada mais é que “desenhar” novos caminhos pintar e colorir novas “telas” e dar significado para tais.

Aproveite, pois o momento é excelente para começar a praticar meditação, reiki ou alguma atividade que proporcione conforto e estabilidade. Procure algo que o ajude nessas mudanças.

E seja feliz



Suzana Soares

Terapeuta Mestre de Reiki, Tarôt Terapêutico e Hipnoterapeuta de Regressão